ARTE E SUSTENTABILIDADE PARA UMA VIDA MELHOR.

16 de setembro de 2012

Caos no trânsito. Pedágio é a solução?

Governo incentiva compra de carros 0km para população ficar presa no trânsito. E olha que temporada de chuvas ainda não começou...



"Cingapura, Londres, Estocolmo e Milão cobram tarifa de motoristas que trafegam pelas áreas centrais. Em São Paulo, a Comissão de Constituição e Justiça da Câmara já deu parecer favorável à implantação do mesmo esquema. Será que é o melhor caminho para a mobilidade urbana?

Prós
Nas grandes cidades, muitas pessoas se locomovem diariamente para trabalhar nas regiões centrais. O pedágio urbano seria cobrado apenas de quem circula pelo centro em horários de pico de dias úteis. Outras regiões estariam livres dessa tarifa. Ônibus e táxis também seriam isentos. 

Dirigir o próprio carro para ir à região central de uma grande cidade é um conforto que deve ter preço. Não é justo que uma pessoa motorizada, ocupando espaço 20 ou 30 vezes maior nas ruas do que outra que se locomove pelo transporte público, não pague por esse privilégio.
Em São Paulo, o pedágio urbano arrecadaria até R$ 600 milhões por ano. Esse valor seria destinado para melhorias no transporte público. Investimentos em novas linhas de metrô, modernização nos trens e ônibus e tarifas menores para o transporte coletivo também beneficiariam a população. 


TdF opinou Bruna Fernandes - Assim como as estradas, as ruas pedagiadas seriam, em tese, mais bem cuidadas. O pedágio também melhoraria a qualidade do ar nos centros urbanos e incentivaria a utilização de transporte público ou meios de locomoção alternativos. 

Contras
Sozinho, o pedágio urbano sozinho não resolve o problema do trânsito. Para funcionar, a estratégia precisa estar aliada a um sistema de transporte público eficiente, que atenda às regiões mais distantes do centro. Por isso, investimentos no setor, bem como em semáforos inteligentes e engenharia de tráfego, são fundamentais. 

Para diminuir o número de carros circulando, a tarifa teria que ser significativa. Em São Paulo, fala-se em R$ 4 por dia, ou cerca de R$ 80 por mês. Com o preço baixo, a maioria seguiria usando carro e congestionando ruas e avenidas. Em Londres, o pedágio diário custa o equivalente a R$ 25. 

O pedágio seria uma medida impopular no Brasil, que tem uma alta carga tributária, criticada por não resultar em benefícios à população. A tarifa do pedágio urbano seria mais um valor para onerar os cidadãos, que já precisam pagar IPVA, DPVAT, seguro, estacionamento e manutenção do veículo. 

TdF Opinou Pedro Mostaco - A população já paga vários impostos para manter o transporte e as vias públicas. Para melhorar o trânsito urbano, seria preciso usar esses recursos para investimentos em transporte coletivo e na qualidade das ruas. 

Consultoria - Cândido Malta Campos Filho, arquiteto e urbanista da FAU-USP 
Fontes - Artigos O que São Paulo Pode Aprender com o Pedágio Urbano de Londres, de Thiago Guimarães, São Paulo Deve Adotar o Pedágio Urbano?, do secretário municipal de transportes de São Paulo, Marcelo Cardinale Branco, e Soluções Mágicas e Ônibus Superlotados, do doutor em engenharia de transportes Jaime Waisman, e site Planeta Sustentável."

Voltando ao assunto do momento: cuidado em quem você vai votar!

Beijos e excelente semana!

16 comentários:

  1. Oi amiga. Vim te abraçar neste domingo e dizer que... “As pessoas se tornam especiais por vários motivos. Você não precisa disso. Já nasceu especial”
    Desejo a você muitas bênçãos... carinhos em demasia....sorrisos em profusão... muiiiito amor e que a felicidade te abrace no dia de hoje.
    Beijinhos com minha amizade
    Gracita

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não pelo elogio, mas o carinho realmente me emociona. Obrigada minha amiga. E para você, de coração tudo em dobro! Mil beijos

      Excluir
  2. Ôi Cris! Tudo bem? Como você está? Muito importante e oportuna tua postagem! Tarifas cobradas com intuito de investimento em melhorias pra população... De que Planeta? Porque certamente pra nós, aqui da terra, é que não seria.... Seriam mais e mais arrecadações desaparecendo em obras invisíveis das quais nunca se vê resultados que beneficiem o povo....
    Hoje tem post novo!
    Um início de semana iluminado!
    Abraço fraterno e carinhoso!
    Elaine Averbuch Neves
    http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Elaine, obrigada pelo comentário! Eu também gostaria de ver esses impostos e taxas sendo revertidos para benefício da população ou pelo menos para os fins que foram criados. Beijos

      Excluir
  3. Olá Cris, passando p conferir, sou super a favor dos pedágios se é p melhorar a situação das estradas e rodovias, uma pena que seja necessário pagar por isso, mas se é esse o preço da segurança nas estradas, eu penso que vale sim! Abraçoosss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kellen, concordo, se for realmente revertido para isso e não desviado como já estamos cansados de ver. Beijos

      Excluir
  4. Cris texto muito importante para todos nós, acho que o pedágio ainda não é a solução para o trânsito vai muito além, Cris já estou te seguino adorei seu blog, te faço um convite para vc visitar o meu blog se vc gostar e quiser me seguir ficarei muito feliz em ter mais uma amiga de blog, fique com Deus beijos.
    http://www.lucimarestreladamanha.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lucimar, obrigada pela visita e comentário. Vou conhecer seu cantinho também. Beijos e Boa Sorte!

      Excluir
  5. Minha linda um texto valioso, com boas
    dicas de como podemos sobreviver, com
    tudo isso, gostei do post
    Abraços de boa noite
    Bjuss
    Rita!!!

    ResponderExcluir
  6. Oi Cris! Tu tá bem? Saudade de ti amiga!
    Beijocas... uma semana abençoada
    Sarinha

    ResponderExcluir
  7. Cris, pode não ser a grande solução, mas ao menos é favorável! Quanto mais segurança no trânsito melhor! Somos cidadãos que pagamos nossos impostos, e para isso, precisamos tb dos nossos direitos, apesar que ainda têm que pagar para ter acesso! Mas se é o melhor!Fazer o quê?
    Beijos querida e uma ótima noite!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Maria Adeladia, querida desejo a você Boa Sorte, Saúde e um FELIZ 2013! Breve estaremos juntas. Bjs

      Excluir
  8. Oi Cris, saudades!
    Não te esqueci amiga,
    tu tá bem? nunca mais apareceu. Dá noticias.
    Fica na paz
    Beijos
    Sarinha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sarinha, quanta saudade amiga! Estou sem internet por enquanto mas já já estarei de volta e vamos colocar o papo em dia. Beijos, Boa Sorte e FELIZ 2013!

      Excluir
  9. ôi minha amiga! O que houve? Você sumiu? Dê notícias! Agradecendo sempre o carinho e comentário gentil! Também me desculpando por muitas vezes demorar para aparecer..... Está cada vez mais difícil visitar a “todos” como gostaria.... Tenho tentado alternar e demora.... Mas eu volto!....
    Aproveitando pra desejar um Natal iluminado pelo brilho da Estrela de Belém! Que o amor do Cristo se faça sentir em todos os corações, abençoando todos os dias do ano vindouro!
    Um início de semana de muita paz e alegria!
    Abraço fraterno e carinhoso!
    Elaine Averbuch Neves
    http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com.br/


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querida Elaine, mudei de endereço e ainda estou sem internet e com muitas saudades de você e de nossas conversas. Mas em breve estarei com tudo "normalizado" dentro do possível e voltaremos a nos falar e matar as saudades. Mil beijos e FELIZ 2013!!!

      Excluir